Prevenção

PREVENÇÃO ÀS DROGAS

A Prevenção ao uso Indevido de drogas Significa uma pré-intervenção, ou seja, uma intervenção a ser efetivada antes que determinado fenômeno ocorra. É importante enfatizar a falta de sentido que existe em se falar de prevenção de droga, uma vez que drogas não são previsíveis.  As drogas são apenas substâncias psicoativas naturais ou sintéticas, que podem ser utilizadas pelo homem com diferentes finalidades. Não podemos dar a uma determinada droga umas conotações de algo boas ou ruins, assim não podem considerar uma droga em si como algo destrutivo ou criativo. O que vai poder ser destrutivo ou criativo é a maneira pela qual o homem se relaciona com a droga, independente do produto químico em questão.

Dessa forma, com todos esses pontos levantados, é uma preocupação da sociedade através de seus governos, através de  suas agências e secretarias,  o estabelecimento de políticas de prevenção ao uso de drogas em atenção aos princípios de saúde publica.

Um dos pontos dessas políticas seria o controle regulamentado do abuso através de analises químicas para identificação dos princípios ativos que constituem as drogas em amostras recolhidas dos eventuais  usuários.